29 de jul de 2011

21- AUTONOMIA EM DESENVOLVIMENTO

AUTONOMIA = LIBERDADE + RESPONSABILIDADE
Não dá para prendê-la.

Há vários desenvolvimentos e em amplos aspectos no seu filho. Mas uma coisa é certa: qualquer um deles requer estímulo. Em geral, o estímulo vem do meio. E, o meio está cheio deles para desenvolver o que for. Mas, nem sempre os mais atraentes são os melhores, e dificilmente uma criança está preparada para perceber, analisar e fazer tal escolha. Vale prepará-la. O caminho é desenvolver autonomia. Acho que esta foi a primeira palavra difícil que minhas filhas aprenderam. Palavra falada e vivida. Toda vez que iam sair, dormir fora, viajar com a escola, eu iniciava a lista de recomendações, mas era logo cortada: “Já sei, Mãe. É para ser autônoma e responsável”. Parecia que bastavam as duas palavras. Na verdade, bastam. A criança nasce heterônoma, isto é, dependente do outro para se reger. Não tem maturidade física e fisiológica para tomar decisões por si. Mas, logo amadurece e precisa aprender a ser autônoma, isto é, deve ser educada para poder tomar decisões sem a intervenção alheia. E, saber o que convém ou não a si, ao outro e ao próprio desenvolvimento. Mas a autonomia não se alcança isoladamente e de pronto. A criança precisa viver a experiência, percebê-la e saber lidar com ela. Ou seja, a autonomia só existe com a liberdade e a responsabilidade. Três desenvolvimentos que se aprendem em processo, onde cada conquista serve de apoio para desafios mais complexos. É passo a passo e na experiência. Por isso, não deixe para começar quando seu filho crescer. Hoje é o melhor momento.

3 comentários:

  1. Olá Lígia
    Linda reflexão, gostei quando você colocou: "...Mas, logo amadurece e precisa aprender a ser autônoma, isto é, deve ser educada para poder tomar decisões sem a intervenção alheia. E, saber o que convém ou não a si, ao outro e ao próprio desenvolvimento. Um forte abraço

    ResponderExcluir
  2. Ana Lucia Guimaraes disse...
    Acredito que motivação e estímulo são ferramentas fundamentais p/ desenvolvermos uma saudável autonomia. Penso tb que se traçarmos metas e objetivos compartilhados, criaremos oportunidades de participação mais ativa p/ exrecício desta autonomia. Tema complexo e de grande importância. PARABÉNS!!!

    ResponderExcluir
  3. Sem motivação e oportunidade (estímulo) não há nada tão saudável e efetivo, não é? Acho que todos já vivemos isso na pele. E, para o desenvolvimento da autonomia isso não é diferente. Cada vez mais a vejo como pré-requisito de outros desenvolvimentos. Fundamental. Base. Vou ficar ainda uns dias neste tema... até enjoar ou enjoarmos. risos beijocas queridas

    ResponderExcluir