3 de mar de 2016

175. OS PRIMEIROS ANOS DE VIDA SÃO QUASE TUDO!

Creio que nunca mais vamos conseguir aprender tanto como nos dois primeiros anos de vida. Passamos de um ser altamente dependente e quase inerte para um ser, que se tiver espaço, consegue até mandar em toda a família. Em apenas dois anos! Realmente, a capacidade de aprendizagem nesta fase é inimaginável e maravilhosa! E há que ser bem aproveitada. A princípio o bebê fica deitado, e ainda nem enxerga direito. Mas logo, começa a ganhar mais movimentos, a coordená-los, a explorar o que está a sua volta. Começa a aprender das emoções e de como interagir com o meio social para ter suas necessidades alcançadas. Logo senta, e seu mundo ganha nova perspectiva. Quantas coisas a explorar. E logo engatinham e começam a construir o mundo e suas relações. Jogam o bola e ela rola. Jogam o copo e ele quebra. Batem a cabeça na mesa e percebem que dói e machuca. E andam. E o mundo se abre em possibilidades. E logo correm e viram ótimos personal trainers, fazendo-nos correr atrás. Afinal, falta-lhes vivências. Nem imaginam o perigo que correm, por isso estamos nós ali a ensiná-los. E começam a falar e rapidamente ampliam o vocabulário. Quanta aprendizagem! E quantas há por vir. Mas uma dica é importante. O cérebro humano é capaz de aprender em qualquer idade. Mas as experiências dos primeiros anos de vida afetam a arquitetura cerebral e o modo como ele é colocado em ação. Experiências positivas e felizes constroem uma arquitetura forte para o aprendizado, o comportamento e a saúde. Invista na boa base.

5 comentários:

  1. Anônimo3/05/2016

    Excelente texto, profa.
    Saudades das suas aulas.
    Bia - Fafire

    ResponderExcluir
  2. Anônimo3/05/2016

    Que bom ler isso! E é o que você sempre diz: O conhecimento faz a gente perceber mais e agir de forma mais assertiva. Obrigada Ligia Pacheco por mais esta sabedoria.
    Te admiro muito,
    Sandra Mattos

    ResponderExcluir
  3. Anônimo3/06/2016

    Muito bom,Lígia! O comeco é tudo! Bj
    Vera Pamplona

    ResponderExcluir
  4. Anônimo3/06/2016

    O alicerce bem edificado é imprescindível! Adorei o texto, Ligia! Beijo grande.
    Mila Pires

    ResponderExcluir
  5. Adoro seu olhar. Sempre tão sensível e poético. Parabéns pelas reflexões. Cada dia me sinto mais privilegiada. Te amo

    ResponderExcluir